Bora Corrê!

Início » Corridas de rua

Arquivo da categoria: Corridas de rua

Brasil Cycle Fair 2017

  • Para quem curte uma bike não pode perder este evento. O local é na São Paulo Expo no começo da rodovia Imigrantes. Você poderá aproveitar amanhã (24, domingo) e fazer um test-ride (são várias bikes urbanas, road e mtb, como Mérida, Trek, Scott, Specialized, Audax, etc., ou fazer um curso de mecânica, ou levar seus pequenos para a área Kids, acompanhar o CIMTB, etc. Mais informações, clique aqui.

    Fotos de Wilson Takeo

    Anúncios

    Risco de correr em dias quentes e secos

    Para aqueles que querem começar a correr, aproveitando o bom tempo que vem fazendo em São Paulo, procure os horários antes das 10 hs ou depois das 17 hs. Isso porque com a baixa umidade, as vezes até abaixo de 20 por cento, o risco se torna maior para o atleta ter ressecamento da mucosa, da pele, alergias respiratórias, dificuldade de respiração, etc. Com tudo isso, é natural acontecer a queda de performance. Procure as pistas de Cooper do Parque da Independência e do Parque do Ibirapuera.

    Não deixe de se hidratar sempre !

    Fontes: webrun, ativo, saudemelhor, eu atleta, e notícias.R7.

    Foto de Wilson Takeo.

    9 Km !

         Apesar do tempo quente e seco, consegui fazer 9 km de corrida intervalada. Até usei o Endomondo para monitorar o treino. 

    image001

    image003

    image007

    Resultados apontados pelo Frequencímetro FT7 Polar:

        –  1 hora e 17 minutos de treino,

        –  Média dos Batimentos por minuto = 142,

        –  Máximo de Batimentos por minuto = 159,

        –  Queima de calorias = 0,5 minuto,

        –  Calorias queimadas = 858 kcal  

    E o que o aplicativo Endomondo apontou:

        –  1 hora e 17 minutos de treino,

        –  8,33 km percorridos,

        –  9 minutos e 21 segundos por km de ritmo médio,

        –  4,5 minutos por km de ritmo máximo,

        –  6,42 km/h de velocidade média,

        –  13,36 km/h de velocidade máxima,

        –  579 kcal de calorias queimadas,

        –  0,30 litros de hidratação,

        –  736 metros de altitude mínima,

        –  767 metros de altitude máxima,

        –  206 metros de aclive, e  

        –  206 metros de declive.  

    Fonte: Endomondo. com e FT7 Polar

    Retomada dos treinos com pedais e um treino intervalado depois da viagem

         Para recuperar do abuso da viagem, voltei a pedalar “pesado”, foram 39 km. Aproveitei o bom tempo e fui no sábado, domingo e segunda (28/08). Usei o Strava para registrar os treinos, 2 pedais e um intervalado.

    image001

    image001.png

         E para começar a semana, um treino intervalado de apenas 4,2 km bem leve, já que fiquei 15 dias sem correr, apenas caminhei. 

    image001

    Fontes: https://www.strava.com

    Retomada dos treinos na pista de Cooper do Ibirapuera. Foram 6 km de intervalado.

    Muito sol ! Temperatura ótima para correr. A umidade relativa satisfatória, também.

    Bora corrê !!!

    Bom fim de semana a todos !

    Confira minha corrida no Strava: https://www.strava.com/activities/1162988096/shareable_images/map_based?hl=pt-BR&v=1504279448

    Percurso alternativo no Parque do Ibirapuera

          Para quem costuma treinar sempre no Parque do Ibirapuera, aqui vai uma dica para outro percurso e com pisos variados.

         Percurso de 8 km –

    image001.png

    cropped-cropped-image00112.png

    cam04055

    Pista de Cooper – Ibirapuera – São Paulo

         Piso de pedriscos, de terra, de grama, de calçada, de asfalto e de raízes das seringueiras, jequitibás, etc.

         Comece pela pista de Cooper e logo que passar pela placa dos 400 metros, saia dessa pista e acesse a pista da Grade e siga as placas indicativas de 100 em 100 metros (no momento, todas as pistas do parque estão passando por uma manutenção geral, e não sei até qdo teremos que aguardar pelas novas). Com estas duas pistas, voce pode fazer 1, 2, ou mais voltas em cada uma delas, conforme seu condicionamento.

         Para 8 km, faça uma volta na pista da Grade e 1 volta e mais 500 metros na pista de Cooper. Como a pista da Grade fica mais afastada do fluxo em geral e entre árvores como eucalíptos e bambuzais, aconselho fazer o treino durante o dia, mesmo porque não há iluminação adequada.

         Mesmo treinando, tirei esta foto junto as barras de alongamento da pista de Cooper.

    IMG_20170714_135323469

    Pista de Cooper do Parque Ibirapuera

    Fonte: https://www.strava.com e fotos de Wilson Takeo

    Comparativo entre Strava e Endomondo

         Diante de tantos aplicativos existentes, a idéia é mostrar e facilitar na escolha do aplicativo para monitorar seus treinos e/ou atividades físicas.

         Vinha utilizando o Endomondo desde 2013, quando em Maio último, percebi que os treinos desde que comecei tinham sido removidos e isso me fez mudar para o Strava. Vale destacar que as versões utilizadas foram as gratuitas existentes na Play Store. 

    Strava

    DSC_9633

    Strava iniciando um treino

         Para o treino, não precisa de conexão com a Internet. 

         O GPS é ativado automaticamente.

         Permite monitorar apenas corrida ou pedalada, mas no site, permite trocar por uma descrição mais adequada, como caminhada, crossfit, treinamento com peso e até ioga. Existe uma lista bastante abrangente.

         Ao parar o treino, o próprio faz a pausa e retoma automaticamente.

         Permite remover o treino.

         Após o treino, oferece o traçado do percurso, a distancia, o ritmo médio, o tempo gasto, o ganho de elevação, as calorias gastas, compara o treino com os anteriores, mostra a estatística a cada km do ritmo e da elevação. Permite compartilhar com as redes sociais. 

         Para sincronizar os dados do treino com o site precisa de conexão com a Internet.

         O site apresenta os seguintes dados: melhores resultados, o tenis usado no treino (previamente cadastrado), mostra o ritmo em qualquer ponto do percurso, mostra o controle de treinamento que é um resumo dos treinos da semana. Se o treino foi uma pedalada, permite que aponte a bike utilizada (previamente cadastrada). Oferece também, gráficos para análise de seu treino. Confira ! 

    DSC_9635

    Strava mostrando como foi o treino

     Endomondo

    DSC_9622

    Endomondo pronto para iniciar um treino

       Para o treino não precisa de conexão com a Internet.

       O GPS é ativado automaticamente.

       Permite descartar ou retomar o treino.

       Permite monitorar todos os esportes que se imagina, até esgrima, caminhada no gelo, mergulho, parapente, etc.

       Permite compartilhar o treino com as redes sociais.

       Durante o treino, dá avisos de distancia e ritmo a cada km percorrido, além de avisar a falta e a recuperação de sinal do GPS.

       Após o treino, oferece o traçado do percurso, a duração, a distancia, os ritmos médio e máximo, as velocidades média e máxima, as calorias queimadas, a hidratação, as altitudes mínima e máxima, o aclive e o declive, uma estatística de tempo e do ritmo a cada km percorrido.

         Permite adicionar foto, compartilhar com as redes sociais, incluir um comentário pessoal. E para concluir, mostra a avaliação do treino com os anteriores.

         O site apresenta os seguintes dados: mostra todos os treinos realizados no mes, permite editar cada um dos treinos, permite anexar fotos ao treino, permite remover o treino da planilha, oferece estatísticas de distancia, tempo e calorias gastas.

         Além disso, o site mostra gráficos de ritmo x tempo ou distancia e também permite que voce cadastre suas rotas. Existem outras funções que poderão ser exploradas no site, mas o básico está aqui descrito da forma mais clara e sucinta possível.

    DSC_9631

    Endomondo mostrando o traçado do percurso apos o treino

         Num futuro próximo, usarei as versões premium desses aplicativos. Aguardem.

    Fontes: Strava e Endomondo.